domingo, janeiro 07, 2007

Coisas banais mas erradas

Apercebi-me de uma coisa.
Há coisas que nós dizemos e que pensamos estar correctas (não estou a falar na merda que às vezes dizemos), mas que na verdade vão contra tudo aquilo em que a maioria de nós acredita!

Quando encontramos um amigo que já não vemos à muito tempo e estamos com ele no parlapiè, além de ficarmos muito contentes temos por hábito dizer na despedida "foi bom matar saudades tuas"!

Conclusão: Frase errada!!

1º A frase já remete o próximo encontro para "daqui a muito tempo" (ele tem de fazer novas coisas para contar, e temos de ficar distantes mais algum tempo para haver saudades)

2º "Matar saudades". COMPLETAMENTE ERRADO!!!

Muitas das pessoas que dizem isto são aquelas velhinhas que se dirigem (quase todos os dias) às igrejas.
Ora, segundo os mandamentos de Deus... matar é pecado!
Logo, matando saudades estamos a pecar.
Por isso, qualquer velhinha presente neste mundo, já tem pelo menos uma coisa contra no julgamento final.... já matou!!






Parte boa desta coisa toda: Os jeovás, ou os gajos da religião lá do reino de deus podem lucrar com esta situação. Já que vendem nosso senhor a metro, é só dizem que para uma pessoa se livrar da "morte de saudades" é so pagar €€ ao pároco ou responsável do estabelecimento de angariação de fundos para o senhor supremo e louvado (aka igrejas).




Agradecimentos: Gostaria de agradecer a escrita deste post ao José Luís Franco que já não via desde a primária. Estive com ele hoje à noite na praia de Leça. O rapaz está a acabar Medicina vejam lá!! Claro está que meti a peta e disse que este ano acabava a minha licenciatura em informática... Quanto ao José.. digamos que deu para matar saudades do chavalo! O único problema dele, é que continua a usar suspensórios por cima de toda a roupa (casaco inclusiva). Nunca percebi bem o propósito da coisa.. Ou os pais fumam droga ou então os pais, ele e toda a gente que o rodeia fuma droga.

3 comentários:

Ananás disse...

Essa temática de matar saudades é, sem dúvida uma tese problemática... De facto, de acordo os mandamentos de Deus, matar é pecado, logo matar saudades não se coaduna com os seus princípios. Eu propunha que deixassemos as saudades ligeiramente, e só, atordoadas...

cruelenelcartel disse...

As saudades são um óptimo tema, e matá las melhor.
Mas o que mais gosteo foi mesmo dos suspensórios por fora do casaco.
lol

João Silva disse...

ninguem usa suspensórios!!!a não ser que tenha mais de 120kg e os cintos não lhe sirvam!!!